Ivete celebra 20 anos de carreira: "mãe, eu consegui!"

terça-feira, 29 de abril de 2014


No início da década de 1990, Ivete Sangalo surgia no cenário nacional como vocalista da Banda Eva. Hoje, consagrada também fora do Brasil, a baiana de Juazeiro lança seu quinto DVD para comemorar os 20 anos de carreira. Na tarde desta terça-feira (29), ela recebeu jornalistas no Hotel Sheraton WTC, na zona sul de São Paulo, para falar sobre o projeto.
"A intenção era voltar pra minha casa e dizer: mãe, eu consegui! Estou realizada, estou bem", afirmou a cantora sobre o local escolhido para a gravação: a Bahia. "E é uma forma de eu me exibir também, né?", brincou. 
 Gravado em dezembro do ano passado, o novo trabalho da artista reuniu cerca de 40 mil pessoas na Arena Fonte Nova, em Salvador. Após gravações tão representativas quanto essa em locais emblemáticos, como o Maracanã, no Rio, e o Madison Square Garden, em Nova York, Ivete voltou “pra casa”. Há exatos 10 anos, foi lá, no extinto estádio Octávio Mangabeira, que ela fez o primeiro álbum ao vivo de sua carreira.
Ivete falou sobre o aprendizado nesses 20 anos de estrada. "Quando eu assisto o DVD eu sinto uma energia semelhante a de quando comecei na Banda Eva. É a vontade, a alegria e o tesão de fazer isso", disse. E o sucesso alcançado? "Quando comecei a cantar me perguntavam: '- Ivete, você quer ser uma cantora famosa?' Isso nunca passou pela minha cabeça. Eu não sei se era por  falta de um objetivo ou se era por uma percepção de achar impossível que isso acontecesse", contou. 
Além de sucessos que marcaram época como Beleza Rara, Arerê, Festa e Sorte Grande, o disco traz o single de sucesso Tempo de Alegria e a inédita Amor Que Não Sai, um reggae do bom assinado por Gigi e Dan Kambaiah, que começou a tocar nas rádios há duas semanas.
Como costuma fazer na maioria de seus trabalhos, a cantora escolheu amigos para dividir o palco nas quase cinco horas de gravação. Bell Marques, Alexandre Pires, Alexandre Carlo (vocalista da banda Natiruts), o saxofonista Paulinho Andrade e Saulo Fernandes, com quem entoou a romântica Cruisin, compuseram a seleta lista de Ivete.
Fazendo percussão com instrumentos criados a partir do lixo, os britânicos do grupo Stomp foram os responsáveis por receber a anfitriã da noite após sua primeira troca de figurino - ao todo foram cinco. Ivete arrancou sorrisos quando disse que teve o primeiro contato com o grupo em uma de suas idas à Nova York, utilizando programas de milhas. "Que é? Vai dizer que vocês nunca juntaram milhas? Só viajo de milhas!", brincou.
O CD e DVD Multishow Ao Vivo - Ivete Sangalo 20 Anos chega às lojas de todo o Brasil em 6 de maio. O produto estará disponível em três versões: o DVD duplo com 31 faixas, o DVD simples, com a seleção de 23 músicas, e o CD que traz 18 canções, entre elas Amor Que Não Sai, Pra Frente e Vejo o Sol e a Lua. O primeiro show da turnê está programado para Vitória, no Espírito Santo, no dia 2 de agosto.
Mais um filho?
Fã de música pop, Ivete falou que escuta muito Beyoncé e Rihanna, além de apreciar também as vozes de Mariah Carey, Shakira, Katy Perry, Alicia Keys, Fergie e Joss Stone. Questionada se ouvia a banda britânica Sade, Ivete respondeu: "Você acha que o menino foi feito como?", disse referindo-se ao filho Marcelo, de 4 anos. Sobre a possibilidade de uma nova gravidez, ela brincou: "Estou comprando o CD novo dela (Sade). Tô esperando Deus mandar". 

Beleza
Ao falar de beleza, Ivete voltou a arrancar sorrisos. "Não existe uma mulher mais ou menos. Existe uma mulher sem maquiador, sem cabeleireiro e sem faixa", disse. Ela falou ainda que não acorda linda e que o título de "diva" que recebe é por conta do make. "Isso é maquiagem né? (...) Mas eu sempre acordo feliz e isso é o mais importante", completou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário