'O público em casa ajuda', revela Ivete Sangalo sobre a papel de jurada

quarta-feira, 9 de abril de 2014



Novata no papel de jurada, Ivete Sangalo revela ter gostado da nova função e confessa que o voto do público de casa, pelo aplicativo, é fundamental. A opinião do povo, diz a cantora, ajuda os jurados a decidirem se cada um deles deve ou não somar 7% aos votos que chegam pelo aplicativo: "O público em casa ajuda a dar essa clareada, não fica só com a nossa responsabilidade", conta a cantora.

A baiana lembra ainda que o papel de jurada é difícil, principalmente, por se tratar de um programa ao vivo e por todos estarem com um único objetivo: atingir os 70% necessários para que o telão suba e a banda passe para a próxima fase da atração. "É bem difícil, pois o programa é ao vivo e você vê os artistas ali, se apresentando, todos com o desejo de passar para a próxima fase", conta Ivete.
Especificamente sobre a programa de estreia, a cantora relembra a dificuldade de lidar com as bandas que não foram aprovadas, mas ressalta que é preciso não desanimar e ter em mente que estar no SuperStar já é uma grande oportunidade para se apresentar nacionalmente e conquistar novos fãs:
"Esse primeiro programa foi muito difícil, pois julgar é uma característica que tenho pouco dentro de mim. Acho que as oportunidades têm que surgir, mas estar no programa, passando ou não, já é uma grande oportunidade", explica Ivete sobre os participantes.

Veja abaixo um pequeno vídeo gravado pela cantora para o site do programa "Superstar":


G Show

Nenhum comentário:

Postar um comentário