Ivete Sangalo: a bomba brasileira que encerrará a Copa do Mundo

sábado, 5 de julho de 2014



Se Claudia Leitte chegou aos "trending topics" quando ela apareceu ao lado de Jennifer Lopez e Pitbull na abertura da Copa do Mundo no Brasil, com toda certeza a mesma coisa acontecerá quando no dia 13 de julho o fechamento musical deste grande evento esportivo será feito por uma das maiores divas da música brasileira: Ivete Sangalo. 

Ivete Maria Dias de Sangalo Cady, natural da Bahia, diz ter seus 42 anos de idade como uma das partes mais brilhante da carreira de música pop brasileira. Ela é adorada por milhares de seus compatriotas que se encantam não só com a sua voz e qualidade de desempenho, mas com a sensualidade que exala uma silhueta invejável, um sorriso largo e quente e uma dança incrível com cada um de seus movimentos. 

Com 20 anos de carreira, Sangalo tem praticamente nenhuma necessidade de deixar o seu país para ser considerada uma artista de sucesso. Leva uma média de oito enormes apresentações mensais. Hoje é garota propaganda de sete campanhas publicitárias na sua terra, e ao longo de sua carreira tem feito isso com mais de 40 marcas. Em 2010, uma pesquisa realizada pelo jornal Folha de São Paulo mostrou que ela estava entre as cinco pessoas em que o povo brasileiro iria colocar a sua confiança para governar os seus destinos.

No mundo cibernético Ivete Sangalo também é uma rainha. Seu site oficial recebe cerca de 350 mil visitas por mês, o seu perfil no Twitter tem mais de 10 milhões de seguidores, e no Facebook tem também mais de 10 milhões de fãs em sua página. 

"Eu gosto de conversar em tempo real com meus fãs, para reconhecer e agradecer-lhes presentes e cartões, enviar-lhes beijos e conversar sobre coisas que são importantes para nós. Meus fãs merecem, e eu, esse contato tão especial em tempo real ", disse Ivete sobre esse assunto.

Ivete Sangalo tornou-se um símbolo de orgulho para os brasileiros que vivem fora do seu país. No ano passado, cinco concertos aconteceram em várias cidades nos Estados Unidos, onde ela cantou para cerca de 30 mil pessoas. 

Estima-se que a cantora já vendeu mais de 16 milhões de CDs e DVDs de seus shows.


El Nuevo Día

Nenhum comentário:

Postar um comentário