[Video] 'Perdi peso e quero aproveitar para exibir 'corpitcho'', diz Ivete sobre folia

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015

Com quase 22 anos de carreira, Ivete Sangalo diz que ainda fica nervosa toda vez que vai subir em um trio elétrico no carnaval de Salvador. "É uma festa grandiosa, nos preparamos o ano inteiro para este momento. Não tem como não sentir aquele friozinho na barriga, e quando a gente parar de sentir, é por que não tem mais graça", afirma. Ivete recebeu a equipe do G1 na suíte presidencial de um hotel de luxo da capital baiana e falou sobre os preparativos para o evento.

A artista não revelou quais convidados vai receber na folia. "Não posso falar. É um segredo. Gosto de surpresa", enfatizou. Entretanto, adiantou que o figurino vai usar roupas curtas, ousadas, com o as pernas à mostra, que já se tornou uma marca registrada dela.

"Perdi peso e quero aproveitar esse momento para exibir o 'corpitcho'. Sempre me cuidei, mas emagreci mesmo do fim do ano para cá. No Natal passei longe até do panetone, mas não sei até quando isso vai durar", brinca.

Ao contrário das edições anteriores, em 2015 a artista não definiu um tema específico para o carnaval, apesar de sua figurinista Patrícia Zuffa ressaltar que os figurinos da baiana serão de uma típica diva. Ivete pretende mesmo fazer uma grande homenagem ao axé music, que está completando 30 anos. "Todo ano eu tive um tema, mas agora vou fazer diferente. Vamos focar no axé, que merece todas as honrarias", revela.

Para agitar o público nos três dias em que desfila nos dois circuitos da festa, foi preparado um repertório com cerca de 350 músicas, entre hits dela e de outros artistas. A cantora conta que vai revisitar os sucessos dos seus 20 anos de carreira e também aqueles que marcaram o movimento musical baiano.

Boa forma:

Esbanjando beleza aos 42 anos, Ivete garante que se cuida muito. Não só da saúde física, mas também mental. Malha bastante, tem alimentação equilibrada, não fuma e não bebe.

"Tenho muitas regrinhas para a minha vida, alimentares, de comportamento. A única coisa que faço fora do padrão é perder noite. Não tem jeito, pois meu trabalho é à noite", diz a baiana natural de Juazeiro, região norte do estado.

Os cuidados são necessários para que ela aguente o pique do carnaval. A cantora desfila em Salvador entre sábado (14) e segunda-feira (16). Na terça (17), vai para Votuporanga, em São Paulo, onde participa de mais uma festa carnavalesca. Depois de um curto descanso após a folia de momo, ela viaja para se apresentar em Portugal. Sobre a agenda sempre lotada, ela reconhece que é cansativo. Mas pondera: "Se não fosse puxado eu eu ficaria muto triste".

Apesar da rotina atribulada, Ivete faz questão de ter os familiares sempre por perto. No dia em que concedeu a entrevista ao G1, além da irmã que tem como braço direito, Cynthia Sangalo, ela estava acompanhada de sobrinhos e do filho, o pequeno Marcelo. Sempre que tem uma brecha, o garoto pede e dá carinho, além de conversar com a mãe.

Marcelo já subiu ao palco algumas vezes em shows da cantora e demonstra vontade de cantar. "Ele vai ser o que quiser, com apoio meu e do pai". Ivete admite que tenta preservá-lo "no contexto maternal, não artístico". "É muito difícil equilibrar isso, mas o importante na vida da gente é justamente o equilíbrio. Ele é uma criança, a responsablidade é minha e do pai. Temos de saber dosar as coisas".


Vaja no vídeo a entrevista completa:



G1 BA

Nenhum comentário:

Postar um comentário