Coluna "Sentimento de Fã", por Ramon Odriguez

domingo, 1 de março de 2015



#Episódio 30 (Fevereiro/2015): Três, 7, Um, 4

Quem lê o nome do episódio deste mês pensa que escrevi Oito7Nove4 errado. Mas não, não vim aqui provocar essa ilusão de concordância no(a) leitor(a). Esses números, quase como uma sequência enigmática, um "Código Sangalo", vou decifrar cada número desse título.

Três: O axé do trio elétrico se misturou ao "samba na cara das inimigas" quando Ivete recebeu três trofeus Band Folia de uma vez!! Melhor Cantora, como não poderia ser diferente, Melhor Bloco com o Cerveja e Cia, e Melhor Música, com "Pra Frente". Nossa, como essa música cresceu nesse verão! No carnaval ela tinha uma força maior que o normal! Literalmente de arrepiar!

Sete: Um sétimo lugar em uma lista mundial dos artistas mais citados no Facebook. A carreira internacional de Ivete Sangalo pode ser tímida, mas o gringo que é conquistado por ela não deixa de ouvi-la, de vê-la. E são esses gringos aliados a nós, fãs fiéis do Brasil que colocamos ela nesse sétimo lugar. O nosso desejo? Que esse sétimo lugar seja apenas mais um grande êxito que some fortemente na carreira internacional dessa baiana poderosa!

Um: Esse "um" vale por dois! O primeiro lugar que o Estação Sangalo ganhou no Primeiro Premium Space Sangalo na categoria "Melhor Portal de Notícias" e um documentário que foi lançado no nosso YouTube contando como foi a viagem da Equipe do Bem à Bahia (que saudade da Bahia!). Dois orgulhos pra gente nesse mês de Fevereiro, já que o prêmio foi por votação popular e o documentário tá fazendo sucesso! Obrigado a vocês por movimentarem nossa marca.

Quatro: milhões de seguidores no Instagram da nossa cantora. O público só cresce e a gente gama mais ainda!

E a partir desta segunda-feira mais um grande êxito vai começar a contar mais números ao currículo de Ivete. Estreia o "Superbonita" no GNT, às 21:30. Tudo bem que não são somente de números que se faz um artista. Mas grandes números e êxitos só são possíveis porque é Ivete, né, gente?

Ramon Odriguez

Nenhum comentário:

Postar um comentário